Layout by:

Fresh Designs

Sábado, 15 de Junho de 2013

Nothing Like Us 3 ~ 5

Olá! Só para dizer que como podem ver pus uma playlist. Não pus em automático para não vos chatear. Se quiserem, ouçam as músicas e depois digam-me o que acham. :) Espero que gostem!

------------------------------------------

                - Tem um papel na porta. – Disse Paula, dirigindo-se para mais perto, de maneira a ler o que estava escrito no papel. – Aqui diz que vão fechar por uma semana devido a obras.

                - Então o que é que vamos fazer agora? Para onde é que vamos? – Perguntou Érica, muito preocupada.

                - Podemos ir para minha casa, é aqui perto. – Sugestionou Camila.

                As quatro amigas entreolharam-se e concordaram, caminhando no sentido contrário àquele em que tinham vindo. Em poucos minutos chegaram a casa de Camila. Mal chegaram, Daniela sentou-se no cadeirão ao pé da janela e as outras três raparigas sentaram-se na grande cama no centro do quarto, enquanto Camila foi à cozinha fazer batidos. Uns minutos depois, esta chegou com um tabuleiro e cinco batidos em cima, todos diferentes. Cada uma pegou num e Camila sentou-se noutro cadeirão que havia no quarto.

                - Então, conta-nos mais sobre ti Diana. – Pediu Érica.

                - Bem, não sei bem o que vos contar mais. – Disse Diana, pondo uma mecha do seu cabelo para trás, fazendo com que a manga do seu casaco subisse.

                - O que é isso? – Perguntou Paula, reparando na mancha preta no pulso de Diana.

                - Oh, isto? É uma tatuagem. E tenho outra no outro pulso. Elas completam-se. – Explicou Diana, arregaçando ambas as mangas e mostrando as suas duas tatuagens.

                - “Stay Strong” – Leu Érica. – Porquê?

                - É por causa do meu passado, como eu já vos contei.

                Todas sorriram e ainda ficaram a falar durante mais algum tempo. Quando já se fazia tarde e tinham que ir para casa, quase na hora do jantar, todas se despediram de Camila e Diana, que ainda ficou em casa de Camila, pois costumava jantar mais tarde. Estavam as duas sentadas na cama de Camila, quando esta olha para as tatuagens de Diana e fica com um ar pensativo.

                - O que foi? – Pergunta Diana.

                Camila olha para Diana, quase a chorar, lembrando-se de tudo aquilo que passou com Tatiana.

                - Diana, lembras-te de me perguntares o que é que a Tatiana me fez?

                - Sim...

                - Acho que agora já consigo falar sobre isso.

                Diana sorriu, encoranjando Camila a contar aquilo que tinha na mente.

                - Foi assim: desde que eu fui para o 7º ano, as coisas começaram a mudar. Começou a haver aquilo dos rótulos, dos populares, etc. Eu, como é obvio, não estava inserida no grupo dos populares. Quando fui para o 10º ano, a Tatiana começou a aproximar-se do Hélder, porque ele era popular. Foi graças a ele que ela ficou com esse rótulo. Ninguém sabia mas eu e o Hélder já tinhamos sido melhores amigos e por isso ele sorria para mim e olhava bastante para mim, apesar de não me falar. A Tatiana devia ter ciúmes e começou a ofender-me constantemente. Gozava-me, chateava-me, fazia de tudo para que eu me sentisse mal comigo mesma. E um dia ela fez uma coisa que foi, simplesmente, o pior que ela podia ter feito. Ela apanhou-me na casa de banho e molhou-me. Aí, ela perdeu completamente o controlo.

                Diana estava emocionada e compreendia a dor que Camila sentia. Sem notar, Diana atirou-se para a amiga e deu-lhe um grande e apertado abraço. As duas ficaram assim durante algum tempo e quando se largaram, sorriram uma para a outra e aí perceberam que iam ser grandes amigas, para sempre.

------------------------------------------------

                Diana chegou à escola cedo, de novo. Mal chegou, dirigiu-se ao seu cacifo e enquanto tirava os seus livros, ouviu alguém chamar por ela, ao fim do corredor quase vazio. Ao longe viu uma figura masculina correndo para si com os seus cabelos louros esvoaçando com a velocidade.

                - Bom dia. – Disse, mal chegou ao pé de Diana.

                - Bom dia Nuno. – Respondeu de volta, sorrindo.

                - Tenho uma coisa para te mostrar.

                - O que é?

                - Escrevi uma canção nova. E inspirei-me em ti. – Disse Nuno, envergonhado.

                - A sério? – Perguntou Diana, com as suas bochechas a arder.

                - Sim... – Murmurou Nuno. – Queres ouvir?

                - Claro!

                - Então passas por minha casa depois das aulas?

                - Sim.

                Os dois sorriram e os amigos de Nuno chamaram-no, vindos do pátio da escola.

                - Então até logo. – Disse Nuno, antes de se ir embora.

                Diana deu um grande sorriso e viu Nuno afastar-se. Sem notar, Diana soltou um grande suspiro, assustando-se de seguida com a pessoa a falar ao seu ouvido.

                - Estás apaixonada?

                Diana virou-se rapidamente e deu de caras com Camila, rindo.

                - Assustaste-me!


Maятa às 16:09

Link do post | Comentar

3 comentários:
De twilight_pr a 15 de Junho de 2013 às 18:34
Adorei este capítulo e eu sei a resposta à pergunta da Camila!
"Sim a Diana está completamente apaixonada pelo Nuno!"
:)
Quero um novo capítulo!


De francis marie a 15 de Junho de 2013 às 19:28
Também que é que não se apaixona pela aquela coisinha fofa *-------------------------------------*
Amei muitooooo <333


De anna williams a 17 de Junho de 2013 às 17:02
Aiiii, adorei !!
A Diana está apaixonada siiiiiiiiiiiiiiim *-*
beijinhos*

ps: gostei das músicas :D


Comentar post